Skip to content

Beata Laura Vicuña é exemplo de vida para a juventude

23 gennaio 2013

Laura_Vicuna

Mártir da pureza e intercessora da JMJ Rio2013, a Beata Laura Vicuña tem seu dia comemorado em 22 de janeiro, logo depois dos festejos de São Sebastião, um dos patronos da Jornada. Com apenas 12 anos, a jovem chilena ofereceu sua vida para salvar a mãe. Pureza, sacrifício e amor filial são virtudes que marcaram sua vida e servem de exemplo para os jovens nos dias de hoje.

Em sua beatificação, João Paulo II disse: “A suave figura da Beata Laura, glória puríssima da Argentina e do Chile, desperta um renovado compromisso espiritual nestas nobres nações, e ensina a todos que o ideal de inocência e de amor, mesmo que denegrido e ferido, no final brilhará e iluminará os corações”. 

Laura Vicuña nasceu no Chile, em 1891, mas aos 2 anos de idade foi obrigada a sair do país em guerra e seguiu com a mãe e a irmã para a Argentina. Aos 10 anos fez a Primeira Comunhão, quando se propôs a amar Deus com todas as suas forças. Cada vez mais o desejo de se tornar religiosa aumentava, juntamente com a vontade de servir e amar unicamente a Jesus. Em dezembro de 1901, recebeu a fita de admissão como Filha de Maria e estava a um passo de entrar para a congregação Salesiana.

Com o tempo, a jovem percebeu que a mãe estava em situação de pecado, vivendo em união livre com um homem que a maltratava. Laura já tinha sofrido duas tentativas de abuso por parte do padrasto. Desejando a conversão da mãe, ela ofereceu em troca sua vida a Deus e intensificou as orações. Logo depois, foi tomada por uma grave doença e voltou para os cuidados da mãe. Em uma noite de janeiro de 1904, o padrasto chegou bêbado em casa, agarrou Laura e a espancou. Depois desse dia, ela viu que sua vida terrena estava para terminar e decidiu confessar à mãe a oferta feita a Deus. No dia 22 daquele mês, a beata foi ao encontro do Senhor.

Segundo João Paulo II, a história de Laura Vicuña deve fazer com que reflitamos sobre a importância da família na educação dos filhos e sobre os direitos que estes têm de viver em uma família normal, lugar de amor mútuo e de formação humana e cristã. “Este é um chamado a sociedade moderna, para que ela cuide cada vez mais da instituição familiar e da educação dos jovens”, acrescentou.

http://www.rio2013.com

No comments yet

Lascia un commento

Inserisci i tuoi dati qui sotto o clicca su un'icona per effettuare l'accesso:

Logo WordPress.com

Stai commentando usando il tuo account WordPress.com. Chiudi sessione / Modifica )

Foto Twitter

Stai commentando usando il tuo account Twitter. Chiudi sessione / Modifica )

Foto di Facebook

Stai commentando usando il tuo account Facebook. Chiudi sessione / Modifica )

Google+ photo

Stai commentando usando il tuo account Google+. Chiudi sessione / Modifica )

Connessione a %s...

%d blogger cliccano Mi Piace per questo: